domingo, 14 de março de 2010

Dicas de Personagem : Background

Continuando a já esquecida coluna de dicas, vamos nos centrar agora sobre o passado do seu personagem, suas experiências de vida e principalmente as razões dele ter se tornado um aventureiro.

INTRODUÇÃO

A primeira coisa que você tem que ter em mente é que seu personagem não possui um passado comum. Pessoas comuns acordam de manhã, vão a padaria, tomam café, saem para o trabalho e retornam para a casa a noite. Pessoas comuns, ao menos a maioria, não põem a vida em risco todos os dias.


Então existe algo para o seu personagem mais importante que a sua própria vida. Algo que o marcou no passado e ele precisa cumprir sua missão/tarefa para que possa enfim descansar em paz. Minha primeira dica ao se elaborar um background, elabore também uma meta para o seu personagem, personagens sem metas definidas, são como sombras ficam vagando pelo mundo sem nunca conseguirem um bom final.

-Em busca do mais forte então, e o que vai fazer quando encontrá-lo ?
-Lutarei com ele e vencerei !
-E depois ?
-Vou em busca do mais forte.

Irei falar agora sobre alguns protótipos para background, não são os únicos mas, se encaixam em várias situações e podem ser utilizados e reutilizados por várias vezes.

O ESCOLHIDO

Levarei o anel - disse Frodo - Embora não saiba o caminho.
Senhor dos Anéis

Por que não começar com um clássico então. Você foi escolhido, seja pela sorte ou pelo azar, uma pesada missão recaiu sobre seus ombros. Você pode ter sido escolhido por um acaso do destino, um velho anel que você ganhou de seu tio, ou por uma profecia aguardada a muito tempo.

Isso difere bastante a história de seu personagem, se você faz parte de uma profecia você pode ter sido educado da forma apropriada, como Anakin em Star Wars. Você possui um futuro certo, determinado pelos oráculos de seu povo, segui-lo ou abandoná-lo epende de você. Então você será um grande guerreiro da força, uhmm... certo mas, do lado dos Jedis ou do lado dos Sith ? Afinal ambos são guerreiros e utilizam a força.

Ao passo que se você foi escolhido pela sorte, bom, você não é um aventureiro. Sim, você acorda cedo, vai a padaria... E de repente se vê frente a uma terrível jornada que você deve cumprir. Por que você ? O que o difere dos demais ? Talvez porque você seja exatamente aquele que tenha a maior chance de falhar e essa jornada não será reveladora apenas para os outros mas, mostrará o seu próprio poder.

Geralmente os escolhidos possuem uma missão clara, e mesmos os que foram escolhidos por acaso, possuem uma profecia que permeia toda a sua vida. Cumprí-la, para o bem ou para mal ocupa grande parte de sua jornada.

A REDENÇÃO

Então, você é o homem que faz chover sangue.
Samurai X

Sim, você já foi o pior que se pode esperar de uma pessoa mas, se arrependeu e deseja compensar seus atos. O fato é que ninguém muda o passado e você terá que fugir dele para sempre. É impossível prever a reação das pessoas ao descobrirem que aquele bondoso homem já foi um impiedoso assassino, bom, com certeza não foi distribuindo sorrisos que você aprendeu a manejar uma arma.

Um ponto realmente importante desse background é o que o fez mudar. Porque você se arrependeu daquilo que fazia, foi tocado por algum deus, alguma vítima que feriu sua consciência com um olhar ou você se viu na situação de vítima ?

E quando você se sentirá livre da sua culpa ? Somente em seu leito de morte ? Ou você pode negociar o perdão com um deus ?

VINGANÇA

Then we'll laugh and they we'll kneel
And know this heart of steel
was to hard to break
to hard to hold
Manowar - Heart of Stell

Nem só de boas intenções vivem os aventureiros. Sua missão é simples, vingança ! Alguém acabou com sua vida e agora vai pagar o preço por isso. Personagens baseados em uma missão de vingança costumam ser bastante persistentes e podem esperar anos, conseguindo itens, dinheiro e poder para então consumarem sua revolta. Geralmente esse personagem sofreu um trauma que não pode ser recuperado, a morte de alguém, ter sido banido por vários anos, ter sua honra completamente destruída.

Vale a pena guardar rancor por tanto tempo ? Seu personagem não tem dúvidas quanto a isso e quando possuir poder suficiente para se voltar contra seu algoz ele irá fazê-lo, ou não ? Seu grupo irá permitir, ou tentarão dissuadí-lo. E nesse momento eles serão seus companheiros ou não passam de um empessilio que deve ser removido ?

O PÁRIA

Ele é o herói que Gothan merece, mas que não o que ela precisa agora. Vamos caça-lo porque ele aguenta. Porque ele não é um herói. É um guardião silencioso...Um protetor zeloso. Um Cavaleiro das Trevas
Batman: The Dark Knight

A sociedade o excluiu, você não era bom o suficiente para viver em comunidade. O pária possui duas vertentes, ele pode ser um herói que foi confundido com um vilão ou então alguém que não atingiu as expectativas de seu povo. Algo importante a se dizer é que o pária não possui o sentimento de revanchismo que move a vingança.

Então você tem algo a provar, talvez você tenha sido banido por um crime que nunca cometeu e agora procura alguma forma de inocentá-lo. Ou então você era muito fraco, inapto para a sociedade e planeja um retorno triunfal, mostrando a todos como eles estavam errados.

A LIBERDADE

Libertas quae sera tamem
Inconfidência Mineira

Esse é o background que estou usando em meu personagem agora. Seu personagem deseja ver o seu povo livre, e quantos já não morreram por isso ? A escravidão marcou o passado do seu personagem, ele está cansado disso e quer ser livre ou morto.E mais importante que isso, depois de se libertar ele quer retornar e libertar os outros.

E depois que libertar o seu povo, o que ele irá fazer ? Escravizar os que antes davam as ordens? Implementar uma sociedade democrática?

O FANÁTICO

The ring must be destroyed!!
Senhor dos Anéis

O fanático acredita em algo e vai provar para todos que está certo. Sua crença não precisa ser necessariamente em um Deus mas, pode ser uma profecia. Acontece que você não é o escolhido da profecia. Você deve zelar para que ela ocorra ou deixe de ocorrer. Você geralmente possui um entendimento maior do que está acontecendo, usando o Senhor dos Anéis como exemplo, o escolhido é Frodo enquanto o fanático é Gandalf. Observe que enquanto Frodo e os demais possuem algumas dúvidas o mago é sempre incisivo, não use o anel, não o abandone e destrua-o.

Personagens desse tipo geralmente acompanham personagens que foram "escolhidos" e costumam ser nem um pouco razoáveis. Eles sabem do que estão falando e só vai funcionar se for da forma deles.

A HONRA

A vida de alguém é limitada; a honra e o respeito duram para sempre.
Myiamoto Musashi

Você deu a sua palavra, fez uma promessa, defender a coroa, proteger alguém, obter um item. O fato é que sua promessa vale mais que sua vida e muitas vezes o mundo da voltas e tudo muda de foco. Podem ter enganado o rei e agora ele acha que você é um inimigo, nesse caso seu background fita com o pária.

Você prometeu a todos que traria o velo de ouro ? Pois bem agora você tem que ir atrás dele. Um ponto importante é o que o fez fazer essa promessa, você descende de uma linhagem de nobres cavaleiros ? A cura para uma enfermidade de um ente próximo ?

Esse tipo de personagem costuma ser tão determinado quanto o que é movido pela vingança ou o fanático. Sua trilha muitas vezes é um caminho reto até o seu objetivo.

O AMALDIÇOADO

Viram deuses do mar e do céu, eu conquistei Tróia. Eu, Ulisses, um mortal de carne e osso, de sangue e de mente. Não preciso de vocês agora.
A Odisseia

Você desafiou os deuses e descobriu da pior maneira possível que eles não devem ser desafiados. Agora cabe a você agradá-los para que você possa retornar a sua vida normal. O problema é que é difícil de se agradar um deus.

Você talvez tenha uma missão, uma chance de redenção mas, muitas vezes os deuses sequer se dão ao trabalho de mostrar qual é a sua missão e você vai ter que descobrí-la.

CONSIDERAÇÕES FINAIS

É lógico que existem muitos outros backgrounds, os que eu abordei aqui são basicamente para heróis. A dica que fica é: Pense em algo que vale mais que a própria vida do personagem, pronto você tem um motivo agora é só trabalhar em torno dele e conseguirá um background. Aqui vão alguns pontos a se considerar enquanto elabora o seu background
  • As vezes é bom elaborar os backgrounds de pelo menos alguns personagens em conjunto. Se cada personagem tiver uma missão completamente desconexa dos demais fica difícil para o mestre juntá-los e mais ainda justiificar por que eles estão juntos. Dessa forma se seu grupo possui um escolhido, por que não fazer um fanático que o ajuda ? ou então alguém que tenha feito a promessa de defendê-lo até que ele consiga completar sua missão.
  • Seja sucinto, tenha em mente que seu mestre é uma pessoa ocupada e o RPG e um dos vários hobbies dele. Então não adianta entregar um texto imenso e esperar que seu mestre leia, ele não irá lê-lo.
  • Deixe algumas pontas soltas. Lembre-se que o RPG é um livro que é escrito em grupo então deixe alguns pontos sem muita explicação no seu background. Por que assim o mestre pode trabalhar nesses furos e muitas vezes surpreender mesmo você.
  • Não sofra sempre da síndrome de orfão. Pois é nem todo personagem tem que ser órfão e sem família, alguns backgrounds, como o amaldiçoado e o libertador ficam melhores se você possuir uma casa para retornar.
-E agora ?
-Vou em busca do mais forte.
-Damn it !!

Um comentário:

  1. Excelente post... é bom sempre pegar uma das bases descritas aí e trabalhar em cima dela, com certeza o persomnagem que vai sair vai ser original, é só saber trabalhar a idéia básica

    ResponderExcluir